segunda-feira, 25 de setembro de 2017

26 DE SETEMBRO - LEITURA BÍBLICA ANUAL - SALMOS 66 E 67.


Salmos 66


1 Aclamem a Deus, povos de toda terra!
2 Cantem louvores ao seu glorioso nome; louvem-no gloriosamente!
3 Digam a Deus: "Quão temíveis são os teus feitos! Tão grande é o teu poder que os teus inimigos rastejam diante de ti!
4 Toda a terra te adora e canta louvores a ti, canta louvores ao teu nome". Pausa
5 Venham e vejam o que Deus tem feito; como são impressionantes as suas obras em favor dos homens!
6 Ele transformou o mar em terra seca, e o povo atravessou as águas a pé; e ali nos alegramos nele.
7 Ele governa para sempre com o seu poder, seus olhos vigiam as nações; que os rebeldes não se levantem contra ele! Pausa
8 Bendigam o nosso Deus, ó povos, façam ressoar o som do seu louvor;
9 foi ele quem preservou as nossas vidas impedindo que os nossos pés escorregassem.
10 Pois tu, ó Deus, nos submeteste à prova e nos refinaste como a prata.
11 Fizeste-nos cair numa armadilha e sobre nossas costas puseste fardos.
12 Deixaste que os inimigos cavalgassem sobre a nossa cabeça; passamos pelo fogo e pela água, mas a um lugar de fartura nos trouxeste.
13 Para o teu templo virei com holocaustos e cumprirei os meus votos para contigo,
14 votos que os meus lábios fizeram e a minha boca falou quando eu estava em dificuldade.
15 Oferecerei a ti animais gordos em holocausto; sacrificarei carneiros, cuja fumaça subirá a ti, e também novilhos e cabritos. Pausa
16 Venham e ouçam, todos vocês que temem a Deus; vou contar-lhes o que ele fez por mim.
17 A ele clamei com os lábios; com a língua o exaltei.
18 Se eu acalentasse o pecado no coração, o Senhor não me ouviria;
19 mas Deus me ouviu, deu atenção à oração que lhe dirigi.
20 Louvado seja Deus, que não rejeitou a minha oração nem afastou de mim o seu amor!

Salmos 67


1 Que Deus tenha misericórdia de nós e nos abençoe, e faça resplandecer o seu rosto sobre nós, Pausa
2 para que sejam conhecidos na terra os teus caminhos, a tua salvação entre todas as nações.
3 Louvem-te os povos, ó Deus; louvem-te todos os povos.
4 Exultem e cantem de alegria as nações, pois governas os povos com justiça e guias as nações na terra. Pausa
5 Louvem-te os povos, ó Deus; louvem-te todos os povos.
6 Que a terra dê a sua colheita, e Deus, o nosso Deus, nos abençoe!
7 Que Deus nos abençoe, e o temam todos os confins da terra.



domingo, 24 de setembro de 2017

25 DE SETEMBRO - LEITURA BÍBLICA ANUAL - SALMOS 64 E 65.

Salmos 64

1 Ouve-me, ó Deus, quando faço a minha queixa; protege a minha vida do inimigo ameaçador.
2 Defende-me da conspiração dos ímpios e da ruidosa multidão de malfeitores.
3 Eles afiam a língua como espada e apontam como flechas, palavras envenenadas.
4 De onde estão emboscados atiram no homem íntegro; atiram de surpresa, sem qualquer temor.
5 Animam-se uns aos outros com planos malignos, combinam como ocultar as suas armadilhas, e dizem: "Quem as verá? "
6 Tramam a injustiça e dizem: "Fizemos um plano perfeito! " A mente e o coração de cada um deles o encobrem!
7 Mas Deus atirará neles suas flechas; repentinamente serão atingidos.
8 Pelas próprias palavras farão cair uns aos outros; menearão a cabeça e zombarão deles todos os que os virem.
9 Todos os homens temerão, proclamarão as obras de Deus, refletindo no que ele fez.
10 Alegrem-se os justos no Senhor e nele busquem refúgio; congratulem-se todos os retos de coração!

Salmos 65

1 O louvor te aguarda em Sião, ó Deus; os votos que te fizemos serão cumpridos.
2 Ó tu que ouves a oração, a ti virão todos os homens.
3 Quando os nossos pecados pesavam sobre nós, tu mesmo fizeste propiciação por nossas transgressões.
4 Como são felizes aqueles que escolhes e trazes a ti, para viverem nos teus átrios! Transbordamos de bênçãos da tua casa, do teu santo templo!
5 Tu nos respondes com temíveis feitos de justiça, ó Deus, nosso Salvador, esperança de todos os confins da terra e dos mais distantes mares.
6 Tu que firmaste os montes pela tua força, pelo teu grande poder.
7 Tu que acalmas o bramido dos mares, o bramido de suas ondas, e o tumulto das nações.
8 Tremem os habitantes das terras distantes diante das tuas maravilhas; do nascente ao poente despertas canções de alegria.
9 Cuidas da terra e a regas; fartamente a enriqueces. Os riachos de Deus transbordam para que nunca falte o trigo, pois assim ordenaste.
10 Encharcas os seus sulcos e aplainas os seus torrões; tu a amoleces com chuvas e abençoas as suas colheitas.
11 Coroas o ano com a tua bondade, e por onde passas emana fartura;
12 fartura vertem as pastagens do deserto, e as colinas se vestem de alegria.
13 Os campos se revestem de rebanhos e os vales se cobrem de trigo; eles exultam e cantam de alegria!

sábado, 23 de setembro de 2017

24 DE SETEMBRO - LEITURA BÍBLICA ANUAL - SALMOS 62 E 63.


Salmos 62

1 A minha alma descansa somente em Deus; dele vem a minha salvação.
2 Somente ele é a rocha que me salva; ele é a minha torre segura! Jamais serei abalado!
3 Até quando todos vocês atacarão um homem, que está como um muro inclinado, como uma cerca prestes a cair?
4 Todo o propósito deles é derrubá-lo de sua posição elevada; eles se deliciam com mentiras. Com a boca abençoam, mas no íntimo amaldiçoam. Pausa
5 Descanse somente em Deus, ó minha alma; dele vem a minha esperança.
6 Somente ele é a rocha que me salva; ele é a minha torre alta! Não serei abalado!
7 A minha salvação e a minha honra de Deus dependem; ele é a minha rocha firme, o meu refúgio.
8 Confiem nele em todos os momentos, ó povo; derramem diante dele o coração, pois ele é o nosso refúgio. Pausa
9 Os homens de origem humilde não passam de um sopro, os de origem importante não passam de mentira; pesados na balança, juntos não chegam ao peso de um sopro.
10 Não confiem na extorsão, nem ponham a esperança em bens roubados; se as suas riquezas aumentam, não ponham nelas o coração.
11 Uma vez Deus falou, duas vezes eu ouvi, que o poder pertence a Deus.
12 Contigo também, Senhor, está a fidelidade. É certo que retribuirás a cada um conforme o seu procedimento.

Salmos 63

1 Ó Deus, tu és o meu Deus, eu te busco intensamente; a minha alma tem sede de ti! Todo o meu ser anseia por ti, numa terra seca, exausta e sem água.
2 Quero contemplar-te no santuário e avistar o teu poder e a tua glória.
3 O teu amor é melhor do que a vida! Por isso os meus lábios te exaltarão.
4 Eu te bendirei enquanto viver, e em teu nome levantarei as minhas mãos.
5 A minha alma ficará satisfeita como de rico banquete; com lábios jubilosos a minha boca te louvará.
6 Quando me deito lembro-me de ti; penso em ti durante as vigílias da noite.
7 Porque és a minha ajuda, canto de alegria à sombra das tuas asas.
8 A minha alma apega-se a ti; a tua mão direita me sustém.
9 Aqueles, porém, que querem matar-me serão destruídos; descerão às profundezas da terra.
10 Serão entregues à espada e devorados por chacais.
11 Mas o rei se alegrará em Deus; todos os que juram pelo nome de Deus o louvarão, mas as bocas dos mentirosos serão tapadas.

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

23 DE SETEMBRO - LEITURA BÍBLICA ANUAL - SALMOS 60 E 61.


Salmos 60

1 Tu nos rejeitaste e nos dispersaste, ó Deus; tu derramaste a tua ira; restaura-nos agora!
2 Sacudiste a terra e abriste-lhe fendas; repara suas brechas, pois ameaça desmoronar-se.
3 Fizeste passar o teu povo por tempos difíceis; deste-nos um vinho estonteante.
4 Mas aos que te temem deste um sinal para que fugissem das flechas. Pausa
5 Salva-nos com a tua mão direita e responde-nos, para que sejam libertos aqueles a quem amas.
6 Do seu santuário Deus falou: "No meu triunfo dividirei Siquém e repartirei o vale de Sucote.
7 Gileade é minha, Manassés também; Efraim é o meu capacete, Judá é o meu cetro.
8 Moabe é a pia em que me lavo, em Edom atiro a minha sandália; sobre a Filístia dou meu brado de vitória! "
9 Quem me levará à cidade fortificada? Quem me guiará a Edom?
10 Não foste tu, ó Deus, que nos rejeitaste e deixaste de sair com os nossos exércitos?
11 Dá-nos ajuda contra os adversários, pois inútil é o socorro do homem.
12 Com Deus conquistaremos a vitória, e ele pisoteará os nossos adversários.
  • Salmos 61

    1 Ouve o meu clamor, ó Deus; atenta para a minha oração.
    2 Desde os confins da terra eu clamo a ti, com o coração abatido; põe-me à salvo na rocha mais alta do que eu.
    3 Pois tu tens sido o meu refúgio, uma torre forte contra o inimigo.
    4 Para sempre anseio habitar na tua tenda e refugiar-me no abrigo das tuas asas. Pausa
    5 Pois ouviste os meus votos, ó Deus; deste-me a herança que concedes aos que temem o teu nome.
    6 Prolonga os dias do rei, por muitas gerações os seus anos de vida.
    7 Para sempre esteja ele em seu trono, diante de Deus; envia o teu amor e a tua fidelidade para protegê-lo.
    8 Então sempre cantarei louvores ao teu nome, cumprindo os meus votos cada dia.

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

22 DE SETEMBRO - LEITURA BÍBLICA ANUAL - SALMOS 58 E 59.


Salmos 58

1 Será que vocês, poderosos, falam de fato com justiça? Será que vocês, homens, julgam retamente?
2 Não! No coração vocês tramam a injustiça, e na terra as suas mãos espalham a violência.
3 Os ímpios erram o caminho desde o ventre; desviam-se os mentirosos desde que nascem.
4 Seu veneno é como veneno de serpente; tapam os ouvidos, como a cobra que se faz de surda
5 para não ouvir a música dos encantadores, que fazem encantamentos com tanta habilidade.
6 Quebra os dentes deles, ó Deus; arranca, Senhor, as presas desses leões!
7 Desapareçam como a água que escorre! Quando empunharem o arco, caiam sem força as suas flechas!
8 Sejam como a lesma que se derrete pelo caminho; como feto abortado, não vejam eles o sol!
9 Os ímpios serão varridos antes que as suas panelas sintam o calor da lenha, esteja ela verde ou seca.
10 Os justos se alegrarão quando forem vingados, quando banharem seus pés no sangue dos ímpios.
11 Então os homens comentarão: "De fato os justos têm a sua recompensa; com certeza há um Deus que faz justiça na terra".
  • Salmos 59

    1 Livra-me dos meus inimigos, ó Deus; põe-me fora do alcance dos meus agressores.
    2 Livra-me dos que praticam o mal e salva-me dos assassinos.
    3 Vê como ficam à minha espreita! Homens cruéis conspiram contra mim, sem que eu tenha cometido qualquer delito ou pecado, ó Senhor.
    4 Mesmo que de nada eu tenha culpa, eles se preparam às pressas para atacar-me. Levanta-te para ajudar-me; olha para a situação em que me encontro!
    5 Ó Senhor, Deus dos Exércitos, ó Deus de Israel! Desperta para castigar todas as nações; não tenhas misericórdia dos traidores perversos. Pausa
    6 Eles voltam ao cair da tarde, rosnando como cães e rondando a cidade.
    7 Vê que ameaças saem de suas bocas; seus lábios são como espadas, e dizem: "Quem nos ouvirá? "
    8 Mas tu, Senhor, vais rir deles; caçoarás de todas aquelas nações.
    9 Ó tu, minha força, por ti vou aguardar; tu, ó Deus, és o meu alto refúgio.
    10 O meu Deus fiel virá ao meu encontro e permitirá que eu triunfe sobre os meus inimigos.
    11 Mas não os mates, ó Senhor, nosso escudo, se não, o meu povo o esquecerá. Em teu poder faze-os vaguearem, e abate-os.
    12 Pelos pecados de suas bocas, pelas palavras de seus lábios, sejam apanhados em seu orgulho. Pelas maldições e mentiras que pronunciam,
    13 consome-os em tua ira, consome-os até que não mais existam. Então se saberá até os confins da terra que Deus governa Jacó. Pausa
    14 Eles voltam ao cair da tarde, rosnando como cães, e rondando a cidade.
    15 À procura de comida perambulam e, se não ficam satisfeitos, uivam.
    16 Mas eu cantarei louvores à tua força, de manhã louvarei a tua fidelidade; pois tu és o meu alto refúgio, abrigo seguro nos tempos difíceis.
    17 Ó minha força, canto louvores a ti; tu és, ó Deus, o meu alto refúgio, o Deus que me ama.

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

21 DE SETEMBRO - LEITURA BÍBLICA ANUAL - SALMOS 56 E 57.


Salmos 56

1 Tem misericórdia de mim, ó Deus, pois os homens me pressionam; o tempo todo me atacam e me oprimem.
2 Os meus inimigos pressionam-me sem parar; muitos atacam-me arrogantemente.
3 Mas eu, quando estiver com medo, confiarei em ti.
4 Em Deus, cuja palavra eu louvo, em Deus eu confio, e não temerei. Que poderá fazer-me o simples mortal?
5 O tempo todo eles distorcem as minhas palavras; estão sempre tramando prejudicar-me.
6 Conspiram, ficam à espreita, vigiam os meus passos, na esperança de tirar-me a vida.
7 Deixarás escapar essa gente tão perversa? Na tua ira, ó Deus, derruba as nações.
8 Registra, tu mesmo, o meu lamento; recolhe as minhas lágrimas em teu odre; acaso não estão anotadas em teu livro?
9 Os meus inimigos retrocederão, quando eu clamar por socorro. Com isso saberei que Deus está a meu favor.
10 Confio em Deus, cuja palavra louvo, no Senhor, cuja palavra louvo,
11 nesse Deus eu confio, e não temerei. Que poderá fazer-me o homem?
12 Cumprirei os votos que te fiz, ó Deus; a ti apresentarei minhas ofertas de gratidão.
13 Pois me livraste da morte e os meus pés de tropeçarem, para que eu ande diante de Deus na luz que ilumina os vivos.

Salmos 57

1 Misericórdia, ó Deus; misericórdia, pois em ti a minha alma se refugia. Eu me refugiarei à sombra das tuas asas, até que passe o perigo.
2 Clamo ao Deus Altíssimo, a Deus, que para comigo cumpre o seu propósito.
3 Dos céus ele me envia a salvação, põe em fuga os que me perseguem de perto; Pausa Deus envia o seu amor e a sua fidelidade.
4 Estou em meio a leões, ávidos para devorar; seus dentes são lanças e flechas, suas línguas são espadas afiadas.
5 Sê exaltado, ó Deus, acima dos céus! Sobre toda a terra esteja a tua glória!
6 Preparam armadilhas para os meus pés; fiquei muito abatido. Abriram uma cova no meu caminho, mas foram eles que nela caíram. Pausa
7 Meu coração está firme, ó Deus, meu coração está firme; cantarei ao som de instrumentos!
8 Acorde, minha alma! Acordem, harpa e lira! Vou despertar a alvorada!
9 Eu te louvarei, ó Senhor, entre as nações; cantarei teus louvores entre os povos.
10 Pois o teu amor é tão grande que alcança os céus; a tua fidelidade vai até às nuvens.
11 Sê exaltado, ó Deus, acima dos céus! Sobre toda a terra esteja a tua glória!

terça-feira, 19 de setembro de 2017

20 DE SETEMBRO - LEITURA BÍBLICA ANUAL - SALMOS 54 E 55.


Salmos 54

1 Salva-me, ó Deus, pelo teu nome; defende-me pelo teu poder.
2 Ouve a minha oração, ó Deus; escuta as minhas palavras.
3 Estrangeiros me atacam; homens cruéis querem matar-me, homens que não se importam com Deus. Pausa
4 Certamente Deus é o meu auxílio; é o Senhor que me sustém.
5 Recaia o mal sobre os meus inimigos! Extermina-os por tua fidelidade!
6 Eu te oferecerei um sacrifício voluntário; louvarei o teu nome, ó Senhor, porque tu és bom.
7 Pois ele me livrou de todas as minhas angústias, e os meus olhos contemplaram a derrota dos meus inimigos.

Salmos 55

1 Escuta a minha oração, ó Deus, não ignores a minha súplica;
2 ouve-me e responde-me! Os meus pensamentos me perturbam, e estou atordoado
3 diante do barulho do inimigo, diante da gritaria dos ímpios; pois aumentam o meu sofrimento e, irados, mostram seu rancor.
4 O meu coração está acelerado; os pavores da morte me assaltam.
5 Temor e tremor me dominam; o medo tomou conta de mim.
6 Então eu disse: "Quem dera eu tivesse asas como a pomba; voaria até encontrar repouso!
7 Sim, eu fugiria para bem longe, e no deserto eu teria o meu abrigo. Pausa
8 Eu me apressaria em achar refúgio longe do vendaval e da tempestade".
9 Destrói os ímpios, Senhor, confunde a língua deles, pois vejo violência e brigas na cidade.
10 Dia e noite eles rondam por seus muros; nela permeiam o crime e a maldade.
11 A destruição impera na cidade; a opressão e a fraude jamais deixam suas ruas.
12 Se um inimigo me insultasse, eu poderia suportar; se um adversário se levantasse contra mim, eu poderia defender-me;
13 mas logo você, meu colega, meu companheiro, meu amigo chegado,
14 você, com quem eu partilhava agradável comunhão enquanto íamos com a multidão festiva para a casa de Deus!
15 Que a morte apanhe os meus inimigos de surpresa! Desçam eles vivos para a sepultura, pois entre eles o mal acha guarida.
16 Eu, porém, clamo a Deus, e o Senhor me salvará.
17 À tarde, pela manhã e ao meio-dia choro angustiado, e ele ouve a minha voz.
18 Ele me guarda ileso na batalha, ainda que muitos estejam contra mim.
19 Deus, que reina desde a eternidade, me ouvirá e os castigará. Pausa Pois jamais mudam sua conduta e não têm temor de Deus.
20 Aquele homem se voltou contra os seus aliados, violando o seu acordo.
21 Macia como manteiga é a sua fala, mas a guerra está no seu coração; suas palavras são mais suaves que o óleo, mas são afiadas como punhais.
22 Entregue suas preocupações ao Senhor, e ele o susterá; jamais permitirá que o justo venha a cair.
23 Mas tu, ó Deus, farás descer à cova da destruição aqueles assassinos e traidores, os quais não viverão a metade dos seus dias. Quanto a mim, porém, confio em ti.

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

19 DE SETEMBRO - LEITURA BÍBLICA ANUAL - SALMOS 52 E 53.

Salmos 52

1 Por que você se vangloria do mal e de ultrajar a Deus continuamente?, ó homem poderoso.
2 Sua língua trama destruição; é como navalha afiada, cheia de engano.
3 Você prefere o mal ao bem, a falsidade, em lugar da verdade. Pausa
4 Você ama toda palavra maldosa, ó língua mentirosa!
5 Saiba que Deus o arruinará para sempre: Ele o agarrará e o arrancará da sua tenda; ele o desarraigará da terra dos vivos. Pausa
6 Os justos verão isso e temerão; rirão dele, dizendo:
7 "Veja só o homem que rejeitou a Deus como refúgio; confiou em sua grande riqueza e buscou refúgio em sua maldade! "
8 Mas eu sou como uma oliveira que floresce na casa de Deus; confio no amor de Deus para todo o sempre.
9 Para sempre te louvarei pelo que fizeste; na presença dos teus fiéis proclamarei o teu nome, porque tu és bom.

Salmos 53

1 Diz o tolo em seu coração: "Deus não existe! " Corromperam-se e cometeram injustiças detestáveis; não há ninguém que faça o bem.
2 Deus olha lá dos céus para os filhos dos homens, para ver se há alguém que tenha entendimento, alguém que busque a Deus.
3 Todos se desviaram, igualmente se corromperam; não há ninguém que faça o bem, não há nem um sequer.
4 Será que os malfeitores não aprendem? Eles devoram o meu povo como quem come pão, e não clamam a Deus!
5 Olhem! Estão tomados de pavor, quando não existe motivo algum para temer! Pois foi Deus quem espalhou os ossos dos que atacaram você; você os humilhou porque Deus os rejeitou.
6 Ah, se de Sião viesse a salvação para Israel! Quando Deus restaurar o seu povo, Jacó exultará! Israel se regozijará!